LOADING...
FIP

Fundação Ilídio Pinho: 12 projetos apoiados

Foram doze os projetos de ciência que a escolaglobal® viu serem aprovados para a segunda fase do concurso nacional “Ciência na Escola”, da Fundação Ilídio Pinho. A escola é a única do país com propostas financiadas em todos os níveis de ensino. 

Desde “caminhas” para animais de estimação, criadas a partir de pneus usados, a braços hidráulicos desenvolvidos por alunos do Ensino Secundário: a escolaglobal® viu doze projetos selecionados para passarem à segunda fase do concurso nacional “Ciência na Escola”, da Fundação Ilídio Pinho. A instituição de Santa Maria da Feira é o único agrupamento de escolas do país com projetos aprovados do primeiro ao quinto escalão, envolvendo alunos desde o Ensino Pré-escolar até ao Ensino Secundário. 

A “Ciência na Escola ao Serviço do Desenvolvimento de Portugal” foi o mote lançado pela Fundação Ilídio Pinho para este ano letivo e, por essa razão, doze projetos foram selecionados por apresentarem soluções inovadoras. Ao longo dos próximos meses, os alunos irão desenvolver os projetos que receberam financiamento da Fundação, para depois passarem por uma nova seleção. 

Na edição do ano passado, a escolaglobal® levou cinco projetos à Mostra Nacional, última fase do concurso, onde conquistou duas Menções Honrosas e um segundo lugar, no valor global de 11 mil euros.  

O concurso “Ciência na Escola” é uma iniciativa da Fundação Ilídio Pinho, em parceria com o Ministério da Educação e o Ministério da Economia e vai já na sua 16ª edição. Este prémio visa estimular o interesse de todos os alunos, da Educação Pré-Escolar, do 1º, 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico e Secundário, pelas ciências e áreas tecnológicas, através do apoio a projetos inovadores.